10 de abr de 2013

PROMESSAS





Todos nós sabemos que o Todo-Poderoso DEUS não se importou de ter Se feito carne e nascido entre os homens (Jo 1:14 / Fp 2:5-7). E este fato se deu exclusivamente para que a humanidade, que estava perdida em pecados (Ec 7:20 / Rm 3:23), fosse salva (Jo 3:16).

A Palavra é bem clara em dizer que apenas a graça do SENHOR nos é suficiente (II Co 12:9a), mas apesar disso podemos ver nas Escrituras que DEUS nos dá inúmeras passagens onde Ele promete nos abençoar (Jo 15:16b). Afinal Ele não teria nos dado livre acesso (Mc 15:38) se não fosse essa Sua intenção.

Mas por quê DEUS nos abençoa se a salvação, que é a maior dádiva que poderíamos receber dEle, já nos foi dada através da fé em seu Filho? Ora, para que tenhamos participação na natureza divina de nosso Pai, e nos apartássemos daquilo que não provém dEle (II Pe 1:4). Com isso entendemos que DEUS nos abençoa para que assim nós pudéssemos ter comunhão com Ele e, por consequência, nos afastássemos do mal. Ou seja, Deus nos abençoa para que seja concretizado seu plano de salvação!


E como fazemos para ser abençoados? Pedindo com fé e tendo paciência (Hb 6:12). DEUS conhece o nosso coração e nossos pensamentos (Sl 139:23 / I Cr 28:9b), porém é necessário que nós peçamos o que queremos. E toda a petição deve ser feita em nome de Jesus (Jo 16:23), e todo pedido deve ser feito com fé (Mt 21:22).

Primeiramente nossa fé não cresce quando DEUS nos abençoa, visto que a fé vem a partir do ouvir Sua Palavra (Rm 10:17) e não por recebermos bênçãos. Mas é sim através da nossa já operante fé, que somos abençoados (Rm 4:16-21). Mas, por outro lado, muitos cristãos perdem a fé (e por consequência a bênção) quando não são imediatamente atendidos. O que muitos não entendem é que Deus tem uma hora perfeita para entregar Suas promessas (II Pe 3:9a). Lembre-se, há um tempo determinado sobre todas as coisas (Ec 3:1).


No mais, queridos irmãos e irmãs, antes de buscarmos sermos abençoados por DEUS, busquemos Sua presença (Seu reino) e Sua salvação (justificação, justiça) e deixe que o PAI lhe acrescentará tudo aquilo que lhe for necessário (Mt 6:33). Se Ele prometeu em Sua Palavra uma sorte de bênçãos - e tem motivo para nos abençoar - com certeza Ele será fiel (Nm 23:19). Não questione ao SENHOR, Ele não abençoa mais a um do que a outro (Dt 10:17 / Rm 2:11). Somente creia que aquele que começou a obra na sua vida, vai continuá-la da melhor maneira possível (Fp 1:6).


Que Deus abençoe a todos vocês, em nome de Jesus!


Fernando Cottet - Parceiro do BlogJCV
Divulgação: BlogJCV



Nenhum comentário:

Postar um comentário